Cooperativa Filiada ao Sistema Ailos
Acesse a conta on-line com mais praticidade no app Ailos
Abrir no Aplicativo
Menu
Início do Conteúdo
Acesse ou abra a sua
conta com mais praticidade
pelo App Ailos
Baixar o Aplicativo
Continuar no Navegador

Novas regras da aposentadoria: por que vale a pena investir em previdência privada

Descubra como essa opção de investimento pode ajudar você a ter um futuro mais tranquilo

Com as mais recentes mudanças nas regras da aposentadoria, nunca se falou tanto em previdência quanto agora. Na roda de amigos, nas redes sociais, nos meios de comunicação. Não importa o lugar, esse tema tem despertado cada vez mais o interesse dos brasileiros.

Em meio às dúvidas que ainda existem sobre o assunto, é importante lembrar que há outras alternativas para planejar o futuro sem depender apenas da previdência social. Uma delas é a previdência privada, investimento que vem ganhando cada vez mais espaço nos últimos meses.

Mas, afinal, quais são as vantagens dessa modalidade? E como saber qual é o plano ideal para você? Nós separamos as principais perguntas sobre esse modelo de contribuição e como ele pode fazer o seu dinheiro render para ajudá-lo a ter uma vida mais tranquila.

O que é previdência privada?

A previdência privada é uma aposentadoria complementar à previdência pública, em que o contribuinte escolhe um valor e um prazo para fazer contribuições mensais ou sempre que tiver uma sobra no orçamento. Esse dinheiro fica rendendo pelo tempo que o participante quiser, mas quanto maior o período do investimento, melhor será o retorno.

Basicamente, os planos de previdência são divididos em duas fases:

Acumulação: período destinado ao aporte de dinheiro que será aplicado conforme as regras definidas, com o objetivo de aumentar o capital investido.

Resgate: fase na qual o contribuinte poderá resgatar o valor de maneira integral ou mensalmente.

Existem diversos planos de previdência disponíveis no mercado. O ideal é fazer simulações para encontrar a opção certa para você.

Por que vale a pena fazer uma previdência privada?

Nos planos de previdência privada, o contribuinte tem a liberdade de escolher o valor da contribuição e a periodicidade em que ela será feita, além de resgatar o dinheiro quando quiser. As principais vantagens desse tipo de investimento são:

– Personalização

Você quer que o dinheiro fique rendendo a médio prazo ou a longo prazo? Quanto vai investir? Pretende contar com deduções do Imposto de Renda ou não? Essas são algumas opções que você pode avaliar na hora de aplicar seu dinheiro.

– Flexibilidade

O contribuinte pode escolher de que forma receberá o dinheiro ao final do prazo de contribuição: resgatar o valor total ou de forma parcelada, por meio dos resgates programados. É importante o investidor estar ciente do prazo de carência quando for escolher o plano.

– Disciplina

Se você tem dificuldade em poupar dinheiro, a previdência privada pode ser uma alternativa para desenvolver esse hábito. Afinal, esse modelo de contribuição se torna mais atrativo quando o valor fica rendendo a longo prazo.

– Portabilidade

Se você não estiver satisfeito com os resultados do plano, é possível trocar para outra instituição, desde que respeitado o período de carência previsto no contrato.

Para quem se destina o plano de previdência privada?

A previdência privada é indicada para quem gosta de planejar o futuro a longo prazo. Para o curto e médio prazo, outras alternativas de investimento podem ser mais interessantes, oferecendo melhores condições de rentabilidade e liquidez.

Além disso, não é necessário preencher nenhum requisito para fazer uma previdência privada. Qualquer pessoa pode investir nessa modalidade, pois não é exigida idade mínima nem necessidade de comprovação de renda para contribuir.

Qual é o prazo ideal para iniciar uma previdência privada?

Não existe uma hora certa para fazer um plano de previdência privada. Mas quanto mais cedo você tomar essa decisão, melhor será.

Na hora de fazer o plano, é preciso levar em conta não só o valor investido mensalmente e o valor vitalício da aposentadoria, mas também o período de renda, que é por quanto tempo você receberá o benefício.

Qual é a previsão de rentabilidade da previdência privada?

A rentabilidade do fundo de previdência depende de diversos fatores: do quanto você deseja investir mensalmente, do rendimento que o contribuinte espera alcançar, do tempo que vai investir e do perfil financeiro – se é mais moderado ou conservador.

Além da rentabilidade, a previdência privada tem uma forma de tributação diferenciada e, muitas vezes, é esse benefício que faz a diferença.

Por isso, o melhor fundo de previdência para você é o que atende melhor aos seus objetivos futuros e que está mais de acordo com a sua vida financeira.

Esperamos que este conteúdo tenha ajudado você a esclarecer suas dúvidas sobre previdência privada.

E se você está pensando em contratar esse fundo de investimento, uma boa dica é conhecer o Prevcoop, o plano de previdência privada da Cooperativa.

Além de oferecer uma das menores taxas do mercado, o Prevcoop conta com a assistência e a confiança da Quanta Previdência, instituição certificada  que tem mais de 130 mil beneficiários em todo o Brasil.

E lembre-se: independentemente do seu objetivo para os próximos anos, poupar recursos é fundamental para ter uma aposentadoria tranquila, realizar um sonho ou garantir um futuro mais confortável para a família.

Compartilhar notícia
Quer ser um cooperado?
Entre em contato conosco
Seja Cooperado
Fale Conosco
Atendimento das 7h às 22h, de segunda a sexta
e das 8h às 20h sábados, domingos e feriados.

Chamadas internacionais: 55 47 3381 8740
O Internet Explorer está sendo descontinuado.
Por favor, use outro navegador para acessar o site. Veja alguns navegadores que você pode utilizar: